vBulletin stats
Confira as bandas independentes que foram destaque no primeiro dia de SWU | Rock 'n' Beats

Confira as bandas independentes que foram destaque no primeiro dia de SWU

Postado por Rock 'n' Beats. Posted in Shows

Tags: , , , , ,

Publicado em 09 outubro, 2010 - 2 Comentários

Entre os grandes nomes escalados para serem os headliners para o SWU Music and Arts Festival, uma das cerejas do bolo é o grande rol de ótimas bandas independentes que marcam presença no festival.

Presentes em todos os palcos desse imenso evento, trazemos um resumo de como foram as apresentações dos principais destaques da música independente no primeiro dia de festival.

Black Drawing Chalks

A grandiosa estrutura de palco que futuramente abrigaria grandes nomes como Los Hermanos e Rage Against the Machine, foi o ambiente ideal para os goianos do Black Drawing Chalks mostrarem tudo o que têm a oferecer.

A banda, que foi uma das escolhidas através de votação pelo público, mostrou em seus 30 minutos de apresentação um show cheio da energia que os levou a tal patamar. Eles abriram o show com dois de seus carros-chefe, Don’t Take My Beer e a já clássica My Favorite Way, que foi acompanhada em coro pelo público próximo à grade do festival.

Apesar do curto tempo, a banda conseguiu mesclar bem todos os momentos de sua carreira, tocando ainda as novas Simmer Down e Reed Love, além de Everything is Gonna Be Fine e a faixa título de seu primeiro álbum, Big Deal, que encerrou a ótima apresentação.

Macaco Bong


Mesmo sem conseguir passar o som, Macaco Bong roubou a cena, como de costume. A van que trouxe os músicos de São Paulo atrasou uma hora, assim a banda subiu ao palco sem a regulagem dos instrumentos, tudo foi sendo afinado no decorrer do espetáculo, e nos papos prévios com a equipe de som. Foram a segunda banda a tocar no Palco Água, após mais uma decepcionante apresentação do Brothers Of Brazil.

Com seu som instrumental e pesado, reverberando desde lá do centro-oeste, Bruno Kayapy balançou o público com os riffs densos e os intermitentes silêncios, no SWU ainda menos regulares do que normalmente. Ynaiã Benthroldo era o mais concentrado, massacrou a bateria com muita potência, e apesar do bumbo gritar alto demais nas duas primeiras músicas – o que foi rapidamente corrigido – deixou seu groove falar alto em batidas agressivas. Porta-voz da banda, o baixista Ney Hugo, agradeceu ao público, especialmente àqueles que tremulavam uma bandeira do Mato Grosso, e tocou com gana. Em resumo, o melhor show das bandas independentes até o momento.

Curumin


O vocalista e baterista curumin trouxe o reggae e o ska no sugestivo horário das 16:20, apresentando apenas 40 minutos de show, que foram suficientes para empolgar aqueles que nunca haviam escutado seu som embalante.

O público se misturou à musica de maneira praticamente homogênea, tudo isso enquanto BDC e Macaco Bong agitavam o palco principal.

Mallu Magalhães


Com toda a sua fofura, Mallu Magalhães baseou a sua produção de palco na temática dos anos 30. Seja pela sua roupa, pelo microfone vintage ou na vestimenta dos músicos de apoio.

Entre as clássicas Tchubaruba e Shine Yellow, Mallu fez uma apresentação onde alternava entre violão, gaita e banjo. A queridinha do folk fez ainda covers de Billie Holliday – onde errou por duas vezes o início da música – e finalizou a apresentação de pouco menos de 40 minutos com a clássica Trouble, do Elvis.

Cidadão Instigado


Passada seis e meia da tarde e com a noite dizendo olá na Fazenda Maeda, o Cidadão Instigado começou um show recheado de suas principais características: A junção entre o orgânico e a regionalidade da voz de Fernando Catatau e a experimentação eletrônica da banda.

Destaque para a abertura do set com Doido e Contando Estrelas – em uma atuação de “Guitar Hero” de Catatau, para o coro do público em Homem Velho – uma homenagem a Neil Young e o hit Escolher Pra Que?, do seu último disco Uhuuu.

Infelizmente, graças a alguns atrasos, não conseguimos acompanhar a apresentação do Superguidis, primeira banda a subir ao palco Oi Novo Som.

Sobre Rock 'n' Beats

Veja outros artigos de Rock 'n' Beats

Comente usando o Facebook!

2 Comentários

Existem atualmente 2 Comentários no Confira as bandas independentes que foram destaque no primeiro dia de SWU. Deixe seu comentário

  1. [...] This post was mentioned on Twitter by Marcos Theodoro, Rock 'n' Beats and Fernando Galassi, Paula Vidal. Paula Vidal said: RT @rocknbeats: Confira as bandas independentes que foram destaque no primeiro dia de SWU http://bit.ly/aQRrMY [...]

  2. [...] Review das Bandas Independentes do Primeiro Dia do SWU. [...]

  3. ae alegria ver o macaco ser elegiado por blogs assim ;) ))

  4. [...] Review das Bandas Independentes do Primeiro Dia do SWU. [...]

  5. O melhor é curtir bandas independentes,conferir tudo de perto é melhor ainda

Deixe seu comentário

RocknBeats